Na última sexta-feira (15), a violinista Deborah Barreto, sofreu um acidente de carro no Distrito Federal. Mesmo com o capotamento do veículo, a jovem não teve nenhuma lesão. Após ser atendida pelos bombeiros, em um momento emocionante, ela agradeceu aos militares com a música “Aleluia (Hallelujah)”.




“Não tinha ideia do quanto era importante ver o socorro chegar quando se está em um momento de desespero”, conta. “Me trataram muito bem e resolvi agradecer por meio da música que eu amo”.

Ver essa foto no Instagram

O CBMDF foi acionado por volta de 19h30, de ontem (15) para atender uma ocorrência de acidente automobilístico na rua do pista da Jockey Club. Ao chegar ao local constatou-se que o veiculo estava capotado, porém a condutora, que estava só, não sofreu nenhuma lesão, sendo desnecessário o transporte para uma unidade hospitalar. Nossa guarnição ficou em auxilio, pois o lugar era ermo e escuro. Enquanto a vítima aguardava familiares para auxiliar-la na remoção do veiculo, a senhora Deborah solicitou a um militar da guarnição que pegasse um instrumento musical em seu veiculo e muito emocionada resolveu homenagear aos bombeiros da guarnição e ao CBMDF tocando a musica Aleluia (Alelujah) em seu violino. Momento em que emocionou a todos os militares presentes no local. . Desde já agradecemos à senhora Deborah pela belíssima homenagem a tropa que comoveu todos os militares no local e a toda Corporação. Salientando sempre que isso é apenas o nosso trabalho, salvar vidas. . “Mais que salvar vidas um pacto de amor com a sociedade”

Uma publicação compartilhada por Corpo de Bombeiros Militar/DF (@cbmdf) em






Segundo as informações do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBM/DF), a motorista estava sozinha no veículo e não precisou de atendimento hospitalar. Porém, como o local era deserto e escuro, eles ficaram junto à violinista, enquanto ela aguardava a chegada de familiares.

Foi então que a jovem pediu para que um dos socorristas pegasse um estojo no carro.”O militar foi lá e trouxe o estojo. Quando ela pegou e abriu, começou a tocar”, lembra o capitão.




Na postagem feita no perfil da corporação no Instagram, eles agradecem pelo momento. “Desde já, agradecemos à senhora Deborah pela belíssima homenagem à tropa, que comoveu todos os militares no local e a toda Corporação. Salientando sempre que isso é apenas o nosso trabalho, salvar vidas’, diz a publicação.

Segundo o capitão Souza Mendes, o grupo ficou emocionado com o gesto. “Ela fez um pequeno show, foi um dos momentos mais emocionantes que já tivemos”.