Uma situação inusitada ocorrida em um casamento na cidade de Fujian, na China, virou assunto nas redes sociais daquela região desde que começou a se espalhar pela internet, na quinta-feira passada (26). As imagens têm dado o que falar e repercutem, principalmente, em Hong Kong. As informações são do The Sun.




De acordo com a imprensa local, o noivo colocou um vídeo de sexo com cerca de cinco minutos, em um telão, diante de todos os convidados. Segundo as informações, é a noiva quem aparece nas imagens traindo o homem com um irmão dele. Outro detalhe: a mulher do tal irmão do noivo estaria grávida, o que deixa toda a situação ainda mais intrigante.

Enquanto o vídeo era exibido diante dos convidados, o noivo disse à noiva:

“Você pensava que eu não soubesse?”




Logo depois, os noivos foram separados por suas famílias.

Os noivos estavam juntos havia dois anos. Seis meses atrás, o chinês pedira a mão da (então) amada. Uma influente blogueira chinesa alegou que a noiva traiu o noivo depois de ter sido agredida por ele. A noiva admitiu a traição à blogueira e revelou que passou a nutrir sentimentos pelo cunhado depois que ele passou a intermediar a crise provocada pela agressão.

Apesar de toda comoção envolvida, muita gente acredita que a situação trata-se, na verdade, de uma ação de marketing. Alguns internautas perceberam que o vídeo apareceu exclusivamente no aplicativo “Aubergine Video”. Outros também apontaram que ele tem o logotipo da empresa.




Assista: